• Apostoli Christ

O Amor é um Vínculo - 8º Dia




Oração Preparatória:

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos Vossos fiéis, e acendei neles o fogo do Vosso amor.

V. Enviai, Senhor, o Vosso Espírito, e tudo será criado,

R. E renovareis a face da Terra.


Oremos: Ó Deus, que instruístes os corações dos Vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos sempre da Sua consolação. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém.

Rezar: Pai Nosso, Ave Maria, Glória



8º Dia

Super omnia autem caritatem habete, quod est vinculum perfectionis

“Acima de tudo, tende Caridade, que é o vínculo da perfeição.”

( Col 3, 14 )

Assim como o Espírito Santo, amor incriado, é o laço indissolúvel que une o Pai e o Verbo Eterno, assim é este mesmo Espírito que une nossas almas a Deus. A caridade, diz Santo Agostinho, é uma virtude que nos une a Deus: Caritas est virtus coniungens nos Deo. Daí este grito de alegria de São Lourenço Justiniano:


Ó Amor, tu és então um vínculo de tal maneira forte, que pudeste encadear um Deus e uni-Lo a nossas almas!

Os laços do mundo são laços de morte, mas os de Deus são laços de vida e salvação: Vincula illius alligatura salutares. Porquanto são vínculos de amor, e o amor nos une a Deus, nossa única e verdadeira vida.

Antes da vinda de Jesus Cristo os homens separavam-se de Deus; aferrados à Terra, recusavam unir-se ao seu Criador; mas o Senhor, cheio de ternura, os atraiu a Si pelos laços de amor, como tinha prometido por Oséas: In funiculis Adam traham eos, in vinculis caritatis “Eu os atrairei com cordas de Adão, com os vínculos da caridade”. Estes laços são os Seus benefícios: luzes, apelos ao Seu amor, promessas do Paraíso; mais é sobretudo o dom que nos fez de Jesus Cristo no Sacrifício da Cruz e no Sacramento do Altar, e enfim, o dom de Espírito Santo. Por isso exclama o Profeta: Solve vincula colli tui, captiva filia Sion“Rompe as cadeias de teu pescoço, filha cativa de Sião”. Ó alma, criada para o Céu, desfaz-te dos laços da Terra para te unires a Deus pelos laços do Santo Amor.

Caritatem habete, quod est vinculum perfectionis “Tende a caridade, que é o vínculo da perfeição”. O amor é um laço que reúne todas as virtudes, e torna a alma perfeita. Daí a seguinte palavra de Santo Agostinho: Ama, et fac quod visAma a Deus e faze o que queres, porque quem ama a Deus tem cuidado de evitar tudo que causa desgosto ao objecto do seu amor e procura agradar-Lhe em tudo.



Dulcíssimo Jesus, muito me haveis obrigado a amar-Vos; muito Vos custou obter o meu amor. Ingratíssimo seria eu, se Vos amasse pouco, ou dividisse o meu coração entre Vós e as criaturas, depois que por mim derramastes Vosso Sangue e sacrificastes Vossa vida! Quero desapegar-me de tudo, e por em Vós só todos os meus afetos. Muito fraco sou para executar esta resolução; Vós, que me a inspirais, dai-me a força de a cumprir.

Amadíssimo Jesus meu, feri meu pobre coração com a suave seta do Vosso amor, para que não cesse de arder no desejo de Vos possuir e consumir-me de amor para Convosco. A Vós procure sempre, a Vós só deseje, a Vós ache sempre. Ó meu Jesus, só a Vós quero e nada mais. Fazei com que eu repita sempre durante a minha vida, e sobretudo na hora da minha morte: Meu Jesus, só a Vós quero e nada mais. † Ó Maria, minha Mãe, fazei com que de hoje em diante eu não queira senão a Deus.



Antífona final:

V. A graça do Espírito Santo ilumine os nossos sentidos e o nosso coração. R. Amém.



0 visualização

Amém, louvor, glória, sabedoria, ação de graças, honra, poder e força ao nosso Deus pelos séculos dos séculos! Amém

 

Apocalipse 7, 12

Contate-nos

© 2020 Apostoli Christ.